pronunciamento do presidente do conselho

25 de fev de 2015 - empresarial brasileira, por meio da difusão de tecnologias e da capacitação ... pela Inovação (MEI), para incorporar o tema na estratégia das ...

GERÊNCIA EXECUTIVA DE JORNALISMO Diretoria de Comunicação

Fonte: http://www.portaldaindustria.org.br

25/02/2015

PRONUNCIAMENTO DO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO NACIONAL (CDN) DO SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS (SEBRAE), NA SOLENIDADE DE POSSE DA PRESIDÊNCIA DO CDN E DA DIRETORIA EXECUTIVA, PARA O QUADRIÊNIO 2015/2018. EM BRASÍLIA, 25.2.2015.

Senhoras e Senhores, Agradeço aos companheiros conselheiros pela minha eleição para a Presidência do Conselho Deliberativo Nacional (CDN), e desejo contar com o apoio e a colaboração de todos. Assumir a Presidência deste Conselho representa mais um desafio em minha trajetória profissional. Aceito essa missão com muito orgulho e alegria, pois reconheço ser um privilégio trabalhar em favor das micro e pequenas empresas. Elas formam um dos polos mais dinâmicos da economia brasileira, e são o principal sustentáculo do emprego e da distribuição de renda no país. A minha responsabilidade se torna ainda maior pelo fato de suceder ao amigo, conterrâneo e competente presidente ROBERTO SIMÕES. A ele, presto, neste momento, as minhas sinceras homenagens. Nos últimos quatro anos, ROBERTO SIMÕES trabalhou incansavelmente para solidificar as bases da governança desta instituição. Sua gestão trouxe excelentes resultados ao SEBRAE. Espero, meu caro SIMÕES, dar prosseguimento ao seu trabalho e avançar no aperfeiçoamento dos marcos que constituem a grande força do Sistema SEBRAE. Saúdo o companheiro LUIZ BARRETO, reconduzido à Presidência Executiva da entidade, na certeza de que ele, a diretora HELOISA MENEZES e o diretor JOSÉ CLAUDIO DOS SANTOS, os quais também cumprimento, farão uma gestão bem-sucedida em prol da competitividade da micro e pequena empresa. Investido na Presidência, por consensual escolha dos meus pares do Conselho Deliberativo, reitero o meu compromisso de zelar para que este colegiado exerça, em sua plenitude, as prerrogativas e competências de órgão máximo do Sistema SEBRAE. O Conselho Deliberativo é o guardião da missão institucional deste Sistema e é o responsável pelo planejamento estratégico da entidade. Devemos fortalecer a atuação tanto do Conselho Nacional como dos Conselhos Regionais.

GERÊNCIA EXECUTIVA DE JORNALISMO Diretoria de Comunicação

Eles são o fórum apropriado para o debate democrático sobre as questões que afetam as micro e pequenas empresas, e para a definição de políticas e estratégias de ação de âmbito nacional e local. Esses Conselhos têm, ainda, a virtude de ser órgãos plurais, ao abrigar representantes de importantes instituições públicas, privadas, de pesquisa e de fomento. Aqui, no Conselho Deliberativo Nacional, temos o papel de desenvolver estratégias, orientar e fiscalizar o cumprimento das normas e regulamentos do Sistema. Participantes de um órgão de decisão coletiva, saberemos buscar a harmonia e o consenso em nossas deliberações, preservando a unidade corporativa. Como presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), não posso deixar de citar a sintonia e a integração do setor produtivo nesta Casa, uma de suas principais marcas históricas. Ressalto a iniciativa de proposição da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, que surgiu dentro do SEBRAE e ganhou o apoio de todo o setor produtivo. Isso só foi possível graças à Frente Empresarial pela Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, movimento criado pelo então presidente da CNI e atual ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, ARMANDO MONTEIRO NETO. Sob a liderança e a competência de ARMANDO MONTEIRO NETO, que também presidiu este Conselho Deliberativo Nacional, a Frente Empresarial uniu as diversas forças do empresariado. Suas ações foram fundamentais na aprovação da Lei Geral no Congresso Nacional. Aproveito para saudar o companheiro CARLOS EDUARDO MOREIRA FERREIRA, ex-presidente da CNI e nosso atual conselheiro emérito, que também teve um excelente desempenho à frente do Conselho Deliberativo Nacional do SEBRAE. Senhoras e Senhores, O início deste mandato do Consel