enfermagem

epiglote, voltando a cabeça para a posição ereta. - Continue deslizando a sonda suavemente até que o ponto assina-lado na sonda se aproxime da narina ...

ENFERMAGEM FUNDAMENTOS E PROCEDIMENTOS DE ENFERMAGEM HIGIENE

Aula 13 Profª. Tatiane da Silva Campos

HIGIENE

Sondagem nasogástrica -Drenar o conteúdo gástrico para descompressão ou realizar lavagem do estômago. -Responsabilidade: Enfermeiros -Material: Bandeja, biombo, luvas de procedimento, papel higiênico, papel-toalha, sonda do tipo Levine nos 16 ou 18, fita adesiva hipoalergênica, vaselina líquida, seringa de 20 ml, estetoscópio, coletor de sistema aberto e lanterna de bolso.

HIGIENE

- Prepare em uma bandeja o material necessário para o procedi- mento - Higienize as mãos - Leve o material para o quarto do paciente - Promova a privacidade do paciente colocando biombo e/ou fechando a porta do quarto - Explique o procedimento ao paciente - Coloque o paciente em posição sentada ou eleve a cabeceira do leito, dispondo a toalha sobre o tórax - Calce as luvas de procedimento - Verifique o uso de próteses dentárias móveis, solicitando ao paciente para retirá-las

HIGIENE

- Solicite ao paciente que faça, ou faça por ele, higiene das narinas com papel higiênico - Pergunte ao paciente sobre problemas nas narinas (dificuldade de respirar devido a desvio de septo ou adenoide) - Inspecione as narinas com o uso de lanterna de bolso para detectar anormalidades e definir em qual delas será introduzida a sonda - Oclua cada narina, solicitando que o paciente respire a cada vez para determinar qual narina está mais pérvia - Pergunte ao paciente sobre preferência (narina direita ou esquerda)

HIGIENE

- Meça a sonda Levine da ponta do nariz até o lobo da orelha, desça até o apêndice xifoide e marque a sonda com um pedaço de adesivo hipoalergênico ou com caneta - Lubrifique a sonda com vaselina líquida - Solicite ao paciente para flectir a cabeça até encostar o queixo no tórax - Introduza a sonda suavemente pela narina escolhida até atingir aepiglote - Solicite ao paciente que faça movimento de deglutição para abrira epiglote, voltando a cabeça para a posição ereta - Continue deslizando a sonda suavemente até que o ponto assina-lado na sonda se aproxime da narina

HIGIENE

- Conecte uma seringa de 20 ml à extremidade da sonda e aspire para confirmar o posicionamento da sonda no estômago - Injete 10 ml de ar pela sonda e ausculte o ruído produzido na região gástrica, por meio de estetoscópio, para se certificar do posicionamento da sonda - Fixe a sonda fazendo uma haste com fios de gaze e adesivo hipoalergênico - Em caso de drenagem, adapte um coletor de sistema aberto à extremidade da sonda - Deixe o paciente confortável - Recolha o material, mantendo a unidade organizada

HIGIENE

- Encaminhe o material permanente e o resíduo para o expurgo - Lave a bandeja com água e sabão, seque com papel-toalha e passe álcool a 70% - Retire as luvas de procedimento - Higienize as mãos - Cheque e anote, na folha de anotação de enfermagem do prontuário do paciente, o procedimento realizado. - Sinais de asfixia como cianose, acesso de tosse e dispneia são indicativos de que a sonda está sendo direcionada para o trato respiratório. Nesse caso, retire a sonda imediatamente

HIGIENE

- Caso ocorra resistência ao introduzir a sonda, recomenda-se não forçar; tente introduzir a sonda na outra narina - A troca da fixação deve ser diária ou sempre que estiver solta - A higiene oral e nasal deve ser rigorosa em paciente com sonda nasogástrica, para evitar complicações como parotidite - Em caso de perda ou deslocamento da sonda em pacientes em pósoperatório de cirurgias de esôfago e estômago, a sonda não pode ser repassada nem mesmo reintroduzida sem avaliação do médico. Referência: CARMAGNANI, Maria Isabel Sampaio; et al. Procedimentos de Enfermagem - Guia Prático. Guanabara Koogan, 08/2009.